Feminismo e gênero

Cursos livres sobre a relação entre o movimento feminista, em seus diferentes momentos históricos, e a psicanálise. Tem por objetivo fazer com que as a articulação entre essas diferentes abordagens das questões do feminino e da mulher produzam avanços em ambos os campos.

Coordenação:

Grupo de Estudos e Pesquisa em Psicanálise e Feminismo

Grupo reúne sete mulheres e psicanalistas que pensam as articulações e tensões entre psicanálise e feminismo com seus efeitos políticos, teóricos e clínicos. Helena Canto Gusso: psicanalista, acompanhante terapêutica, especialista em Saúde Mental e Saúde Coletiva (UNICAMP), terapeuta do Instituto Projetos Terapêuticos e aspirante a membro do Instituto Sedes Sapientiae. Melina Cavalcante: psicóloga (PUC-SP), Mestre em Psicologia Social (Usp) e consultora de diversidade e gênero. Renata Conde: psicanalista, professora da Escola de Psicanálise de São Paulo.


Maíra Moreira

Doutoranda em Processos de Subjetivação na PUC Minas (Capes 5) e Bolsista da Fapemig. Mestre em Estudos Psicanalíticos: Conceitos Fundamentais na Psicanálise pela UFMG (Capes 5) onde apresentou a dissertação: ‘Políticas do feminino: uma leitura psicanalítica do feminismo queer’, em 2017. Obteve o título de especialista em ‘Clínica Psicanalítica na Atualidade: Contribuições de Freud à Lacan’ pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais em 2015. Formada nos cursos de Bacharelado em Psicologia e Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais em 2013. Autora do livro ‘O feminismo é feminino? a inexistência da Mulher e a subversão da identidade’, (2019), Annablume Editora. Se interessa por estudos de interface entre psicanálise e política, psicanálise e filosofia, e em um possível diálogo entre a obra de Judith Butler e Jacques Lacan nas temáticas sobre sexualidade, gênero, política, sujeito e reconhecimento.


Marília Moschkovich

Socióloga do Conhecimento/Ciência e da Educação Superior; socióloga do Gênero e do Feminismo. Doutora em Educação e Ciências Sociais pela Unicamp (2018), Mestra na mesma área (2013) e Bacharel em Ciências Sociais (2009), também pela Unicamp. Trabalhou no Centre Européan de Sociologie et Sciences Politiques da École des Hautes Études de Sciences Sociales (EHESS) em Paris, França; bem como no Museo de Antropología da Universidad Nacional de Córdoba (UNC), Argentina. Também atua como tradutora, escritora, poeta, editora e comentarista política, e é colunista do Blog da Boitempo. Tem experiência no terceiro setor, na área de direitos sexuais e reprodutivos e gênero. Encerrou em 2019 um trabalho pós-doutoral na área de gênero, violência doméstica, sexualidade, direitos sexuais e reprodutivos e modelos não-tradicionais de relacionamento (não-monogamia), como Fellow da Alexander von Humboldt Stiftung pelo programa Bundeskanzler-Stipendium für Führungskräfte von morgen (German Chancelo Fellowship for Tomorrow's Leaders), em parceria com a Berlin Feminist Film Week em Berlim.


Rafael Kalaf Cossi

Psicólogo e psicanalista, doutor pela Universidade de São Paulo, com passagem pela Paris-7. É membro do LATESFIP-USP. É autor de 'Lacan e o feminismo: a diferença dos sexos' (Annablume, 2018).


Maya Foigel

Psicóloga e psicanalista, desde 2005 tem experiência com atendimento clínico da população trans. Trabalhou no Processo Transexualizador do SUS (IPQ – HCMFUSP; FCMSCSP) e atualmente em consultório particular, com adultos, crianças e adolescentes. Participa do grupo de trabalho Generidades no Instituto Sedes Sapientiae. É co-fundadora do TRANSITAR – educação, clínica e consultoria.


Patrícia Porchat

Psicanalista, e professora do curso de Psicologia da UNESP/Bauru e dos Programas de Pó-graduação em Psicologia do Desenvolvimento e Aprendizagem (UNESP/Bauru) e em Educação Sexual da UNESP/Araraquara. Doutora em Psicologia Clínica (USP/2007). Pós-doutorado na Université Paris Diderot (2019). Trabalha com atendimento clínico das transidentidades. Autora do livro 'Psicanálise e Transexualismo: Desconstruindo Gêneros e Patologias com Judith Butler' (Juruá, 2014), co-organizadora do livro 'Psicanálise e Gênero: Narrativas feministas e queer no Brasil e na Argentina' (Calligraphie, 2018).


CURSOS

Exibindo 1 resultado